segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Campanha: Transição do Muro para a Rocha


Início de ano é sempre assim: época de pré-temporada onde muitos escaladores planejam os objetivos, retomam seus treinamentos e agitam as primeiras "roctrips" do ano (como o feriado de Carnaval que vem aí). Uma grande parte desse povo passa os dias da semana malhando e socializando no ginásio de sua cidade, um local que costuma virar segunda casa dos escaladores. E uma consequência iminente é que os hábitos praticados nesses ambientes urbanos se transfira para os ambientes naturais, que obviamente funcionam sob outra "configuração" e portanto exigem outros "hábitos".

Com esta situação comum em mente, divulgamos a campanha de "Transição do muro para a rocha", com apoio da CBME e Acceso PanAm, visando informar alguns pontos que, embora não sejam novidade para a maioria, nem sempre são respeitados na prática. Uma iniciativa em prol da preservação dos setores de escalada. O cartaz abaixo está sendo distribuído aos principais ginásios do país:

cartaz da campanha


É evidente que o esporte está passando por um novo ciclo evolutivo no país: campeonatos, novos ginásios, novos setores, barreiras de grau sendo derrubadas, exposição de mídia, enfim, pontos que melhoram a popularidade e reconhecimento que todos desejam para a escalada. Viabilizar isto com a consequente maior visitação dos setores esportivos em rocha, é um desafio a ser abraçado por todos, uma questão base de sustentação de todos esses progressos. Afinal, o que seria da escalada sem as pedras?

Agradecemos pela divulgação!